Mau hálito: veja dicas simples para evitar

Mau hálito: veja dicas simples para evitar

Saiba quais são as atitudes mais simples que podem ajudar você a evitar que o mau hálito atrapalhe seu dia a dia!

0
COMPARTILHE
mau hálito o masculino
Dicas simples podem ajudar a evitar o mau hálito. Foto: Shutterstock

Não há nada mais desagradável do que conversar com alguém e ter que lidar com o mau hálito desta pessoa, principalmente quando isso acontece logo pela manhã. Acontece que qualquer pessoa pode ter mau hálito e, em alguns casos, nem perceber que isto está acontecendo, o que acaba gerando certo mal estar nas pessoas à nossa volta.

Leia também:

Halitose: Conheça as causas e como evitar o mau hálito

Fumante tem até 3 vezes mais chances de perder os dentes

Saúde bucal: conheça manias que prejudicam os dentes

É importante lembrar que algumas dicas simples podem ajudar muito a evitar o mau hálito, com pequenas mudanças em nossa rotina, mas que fazem toda diferença. Se não funcionar, é bom ter em mente que este problema pode ter diversas causas e que é essencial procurar um médico para tentar identifica-la.

Dicas de como evitar o mau hálito

Cuide da sua alimentação – Este é um dos principais pontos que você deve observar para evitar o mau hálito. Coma sempre com intervalo de no máximo três horas, pois o jejum por um tempo maior pode contribuir para o problema. Além disso, coma frutas mais ácidas com frequência (abacaxi, maracujá, kiwi, morango, etc.), pois elas estimulam a sua salivação.

Beba muita água – Esta é realmente a dica multiuso, estando presente nos mais diversos artigos sobre saúde. O indicado pelos especialistas é que tomemos no mínimo 2 litros de água por dia, podendo aumentar de acordo com seu corpo e atividade diária, mas nunca diminuir. Ela ajuda na produção de saliva, o que é essencial para aumentar a lubrificação da boca, além de manter o pH neutro e livre de bactérias que causam o mau hálito.

Cuide da higiene bucal – Isso é o mais básico e nem precisaríamos falar muito, pois não há dúvidas de que usar o fio dental pelo menos uma vez por dia e fazer a escovação de maneira correta após as refeições é essencial. Por isso, chamaremos a atenção para dois itens que muita gente esquece: fazer uma boa limpeza da língua (com a própria escova ou com um limpador de língua); e utilizar com frequência um enxaguante bucal (sem álcool, pois ressecam menos a boca).

Atenção ao funcionamento do intestino – Quase ninguém fala sobre isso, mas pessoas que possuem problemas com o intestino preso têm mais tendência a ter mau hálito. Isto acontece pelo fato de que as fezes acumuladas por um longo período no intestino exalam componentes que acabam sendo absorvidos pela corrente sanguínea, podendo ser exalados pelo ar que sai dos pulmões e causam uma alteração no hálito.

Pratique uma atividade física – Ainda que seja uma caminhada regular ou mesmo pequenas sequências de ginástica laboral, a prática de exercícios físicos ajuda você a ficar mais relaxado. Como o bom funcionamento das glândulas salivares depende também do equilíbrio do Sistema Nervoso Central, o estresse pode prejudicar esta estabilidade e causar o mau hálito.

Não se esqueça de consultar um médico com regularidade, pois outros problemas de saúde também podem causar o mau hálito.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA