Curativo inteligente que detecta infecções

Curativo inteligente que detecta infecções

Pesquisadores britânicos desenvolveram uma bandagem que pode detectar bactérias em feridas.

0
COMPARTILHE
curativo o masculino
Curativo muda de cor quando entra em contato com bactérias. Foto: Divulgação

Entre os maiores riscos que se corre quando se tem uma ferida aberta é a possibilidade de que bactérias entrem e criem micro colônias, agrupadas em uma membrana que se cria, chamada de “biofilme”. É aí que o novo curativo inteligente, criado por pesquisadores britânicos pode fazer a diferença, pois traz a possibilidade de detectar este problema em poucas horas.

Leia também:

Cada pessoa tem uma “aura” particular de bactérias

Conheça 10 benefícios do beijo para seu corpo e mente!

Conheça o preservativo que muda de cor em caso de DSTs

Após ser aplicado sobre a ferida, o curativo consegue detectar quando um biofilme se forma, mudando para a cor verde fluorescente, servindo de alerta para que a pessoa tome as devidas precauções para conter o problema.

Curativo inteligente

Os pesquisadores da Universidade de Bath, na Inglaterra fizeram os testes com diferentes bactérias, todas elas muito comuns à maioria das infecções hospitalares. O novo curativo conseguiu detectar a presença dos biofilmes, mudando para a cor verde fluorescente, apenas 4 horas após sua aplicação, o que é um grande avanço, uma vez que em laboratório esta detecção é possível apenas após 24 horas.

Os pesquisadores lembram que este é um avanço que poderá contribuir muito para a recuperação dos pacientes. “Esta nova tecnologia será muito útil para o diagnóstico precoce da infecção pós-cirúrgica, ainda que não seja para agora. Outros testes de segurança estão em andamento e um ensaio clínico deve ocorrer em cerca de três anos”, ressalta Toby Jenkins, que é coautor do estudo.

É importante lembrar que um dos grandes problemas pelos quais as pessoas passam após uma cirurgia é a infecção no ambiente hospitalar, o que traz geralmente prejuízos para a saúde e, em certos casos, pode levar mesmo à morte. A detecção mais rápida da formação de colônia de bactérias pode mudar este quadro, tornando a prevenção mais possível nestes casos.

Fonte: Prototype Development of the Intelligent Hydrogel Wound Dressing and Its Efficacy in the Detection of Model Pathogenic Wound Biofilms, ACS Appl. Mater. Interfaces, DOI: 10.1021/acsami.5b07372

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA