Cirurgias plásticas: os homens e a busca pela beleza

Cirurgias plásticas: os homens e a busca pela beleza

Cada vez mais os homens buscam nas cirurgias plásticas uma alternativa para corrigir ou melhorar alguma parte do corpo. Lipoaspiração é a preferida.

0
COMPARTILHE
cirurgias plásticas o masculino
As cirurgias plásticas podem ser uma alternativa interessante para quem quer corrigir ou mudar algo no rosto ou no corpo. Foto: Shutterstock

Com o aumento na busca dos homens por cuidados com a beleza, a procura por cirurgias plásticas é um caminho que já era esperado e vem se confirmando. De acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, a participação masculina neste tipo de procedimento passou de 5% para 30% entre todas as cirurgias plásticas realizadas.

Leia também:

Implante de barba: para quem quer ou precisa mudar o visual

Depilação masculina: se quer fazer, saiba como!

Implante capilar: dicas básicas para não errar na escolha

São números que mostram uma tendência de crescimento para os próximos anos, que segundo o cirurgião plástico Marcelo Daher, da Interclínica Centroplástica, mostra que os homens estão mais conscientes da importância da aparência no mundo atual. “20% dos meus pacientes hoje são homens, sendo que os procedimentos mais procurados são de pálpebras, plástica facial, implantes capilares e a lipoaspiração”.

Cirurgias plásticas

Mas há uma diferença entre homens e mulheres na hora de decidir o que querem com o procedimento cirúrgico, sendo bem mais objetivos na escolha. “Eles encaram as cirurgias plásticas com mais naturalidade”, afirma o especialista, lembrando que o corpo masculino também reage melhor às cirurgias. “A pele masculina é mais rica em glândulas sebáceas, o que as torna mais elásticas e, assim, respondem melhor aos procedimentos”, destaca.

Marcelo Daher afirma que um dos procedimentos mais requisitados pelos homens é a lipoaspiração dos flancos (aquela que elimina os pneuzinhos). “É a hidrolipoaspiração, mais conhecida como hidrolipo”, afirma.

O especialista lembra que a lipo dos flancos exige internação de cinco ou seis horas, além do uso de uma anestesia peridural e ressalta que a dor no pós-operatório é uma questão individual. “50% dos meus pacientes não reclamam. 25% dizem que a região que recebeu o procedimento fica dolorida e os outros 25% relatam que sentem muita dor, pois são pessoas mais sensíveis”, destaca, afirmando que o resultado das cirurgias plásticas pode ser observado após duas semanas.

“Alguns pacientes costumam combinar a lipo com a plástica de pálpebras ou ginecomastia na mesma intervenção, mostrando que há uma busca pela harmonia entre rosto e corpo”, conclui Marcelo Daher.

É importante lembrar que a decisão sobre fazer ou não cirurgias plásticas deve ser tomada com bastante cautela e contar com a participação de um profissional qualificado. A escolha do especialista, bem como da clínica onde será realizado o procedimento, deve levar em consideração também os conhecimentos técnicos dos profissionais e a estrutura do local.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA