Cosméticos para homens: é preciso se cuidar!

Cosméticos para homens: é preciso se cuidar!

Acabou aquele preconceito de que homem que se cuida é fresco: agora já existem muitos cosméticos exclusivos para os homens!

0
COMPARTILHE
cosméticos o masculino
A preocupação com a saúde da pele e a imagem devem estar acima de qualquer preconceito. Foto: Shutterstock

É cada vez mais visível o aumento do número de homens que se cuidam um pouco mais, se preocupando com os cabelos, da pele, usando cosméticos, etc. E não adianta vir com o preconceito e dizer que isso é coisa de “homem afeminado”, que é mais uma questão de cuidado com a sua imagem (que faz toda diferença!) do que apenas uma “frescura”.

Com isso, podemos dizer que realmente ficou para trás o tempo no qual o ritual de beleza dos homens se resumia ao uso do perfume, fazer a barba e cortar o cabelo. Pesquisas do ramo de cosméticos já mostraram que os homens já representam quase 1/3 dos atendimentos nos consultórios de dermatologia.

Leia também: 

Veja 6 dicas de como fazer a barba sem irritações

Perfume, colônia, eau de toillete… Saiba escolher!

Pele masculina também exige cuidados

E buscando atender às particularidades deste publico a indústria investiu muito em produtos específicos para o tratamento e cuidados com a pele do homem, com linhas criadas especificamente para os homens. O resultado é maior facilidade de acesso do público masculino aos produtos e melhores resultados dos produtos, que levam em conta as diferenças existentes entre homem e mulher. De acordo com o estudo “Global Cosmetics & Toiletries 2006”, as vendas de cosméticos para homens aumentaram em 41,5% no Canadá, 21,5% na França e 19,3% na Itália.

Cosméticos masculinos no Brasil

O Brasil já aparece em segundo lugar no ranking mundial de participação no mercado de cosméticos masculinos, de acordo com um estudo feito pela Euromonitor. Muitas pessoas acreditam que a produção de cosméticos para homens e mulheres é apenas jogada de marketing, uma maneira de vender mais. Mas, especialistas em dermatologia são categóricos em dizer que são grandes as diferenças entre os dois e que isso deve ser respeitado para ter melhores resultados.

cosméticos o masculino
Os produtos exclusivos se adaptam melhor às características da pele masculina. Foto: Shutterstock

Um grande exemplo que podemos citar é a própria oleosidade da pele, que no caso dos homens é muito maior do que das mulheres. Outra coisa importante de se destacar é a adaptação ao próprio cosmético, uma vez que os homens em geral não suportam a sensação de pele lambuzada, enquanto as mulheres passam por isso com certa tranquilidade.

Os hidratantes corporais são também bons exemplos de como é preciso que haja cosméticos diferentes para homens e mulheres, uma vez que nós temos mais pelos no corpo, dificultando assim a aplicação do hidratante em creme. Foi isto que levaram ao surgimento de linhas masculinas com hidratantes em loção ou spray, facilitando muito a aplicação do produto e também a absorção do produto pela pele.

Os cosméticos e as diferenças

É preciso destacar também que a pele dos homens é geralmente mais grossa do que a das mulheres, o que exigem dos cosméticos masculinos uma concentração um pouco maior dos ativos, como forma de garantir a eficácia do produto.

Pensando na falta de tempo e “de jeito” de boa parte dos homens para cuidar do corpo, a indústria de cosméticos criou produtos bem práticos, sendo que muitos deles podem ser considerados multifuncionais. Um bom exemplo é a loção pós-barba que ajuda a acalmar a pele, evitar e tratar a irritação da barba e a foliculite, além de hidratar e prevenir das rugas.

Outra preocupação interessante das marcas de cosméticos para homens é com o cheiro dos produtos, bem como o formato e até a cor da embalagem, tudo feito para agradar. Por isso, chegou a hora de dizer para você que ainda está em dúvida sobre usar ou não cosméticos: deixe este preconceito de lado e cuide da sua imagem!

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA